segunda-feira, 4 de maio de 2020

Dia Mundial da Língua Portuguesa tem Adriana Calcanhoto e Manuel Alegre


Comunicado sobre a proclamação do 5 de maio como Dia Mundial da ...



Nessa terça-feira, 05.05, assinala-se pela primeira vez o Dia Mundial da Língua Portuguesa, celebrando a língua pátria de 09 nações, tendo várias formas de manifestações culturais

Com a festa impedida pela covid-19, as celebrações acontecem online e juntam escritores, músicos, políticos e outras personalidades dos vários países que falam português.

O músico cabo-verdiano Teófilo Chantre mostrou há poucos dias uma nova canção, intitulada Nada-Tudo, em que, em crioulo, canta sobre a possibilidade de termos um mundo mais igual e mais fraterno, uma "temática que faz sentido no contexto atual", escreveu na sua página de Facebook. Esta será, muito provavelmente, uma das canções que ele vai interpretar nesta terça-feira no evento promovido pelo Instituto Camões para celebrar o primeiro Dia Mundial da Língua Portuguesa.

"Pela primeira vez vamos comemorar o Dia Mundial da Língua Portuguesa. Tínhamos planeado um evento com grande visibilidade, mas as circunstâncias ditaram que tivéssemos de adaptar o que estávamos a pensar para um formato virtual", disse à agência Lusa o presidente do instituto, Luís Faro Ramos.

Não sendo possível ter uma festa verdadeira, o Camões -​ Instituto da Cooperação e da Língua, Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), em parceria com a representação portuguesa na UNESCO, a ONUNews e a RTP, preparou uma festa virtual de uma hora e meia que junta mais de duas dezenas de personalidades lusófonas da política, das letras, da música ou do desporto, e que será disponibilizado às 12.00 desta terça-feira, no canal de YouTube do instituto:

A celebração da data inclui uma parte "mais institucional", com os testemunhos do secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, do Presidente da República de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, do primeiro-ministro português, António Costa, do chefe de Estado de Cabo Verde e presidente em exercício da CPLP, Jorge Carlos Fonseca, do secretário executivo da CPLP, Francisco Ribeiro Telles, e do embaixador Sampaio da Nóvoa, representante de Portugal na UNESCO.
5 de maio : o Dia MUNDIAL da Língua Portuguesa! | ARTECULT.COM

A estes juntam-se os testemunhos de várias personalidades lusófonas, com "perspectivas muito diferentes, muito ricas, daquilo que representa para essas pessoas a língua portuguesa e a comemoração do Dia Mundial", explica Faro Ramos. Teremos as palavras dos escritores Mia Couto (Moçambique), Germano Almeida (Cabo Verde) ou Manuel Alegre (Portugal) e os cantores Adriana Calcanhotto (Brasil), Dino d'Santiago (Portugal-Cabo Verde) ou Carminho (Portugal). Participam também o futebolista Pedro Pauleta, o canoísta Fernando Pimenta (Portugal), o cineasta Flora Gomes (Guiné-Bissau), a cientista Maria Manuel Mota, o teólogo e cardeal José Tolentino de Mendonça (Portugal) ou o político timorense José Ramos-Horta, entre outros.

Finalmente, haverá um concerto com os músicos Aline Frazão (Angola), Ivan Lins (Brasil), Teófilo Chantre (Cabo Verde), Manecas Costa (Guiné-Bissau), Stewart Sukuma (Moçambique), João Gil (Portugal), Tonecas Prazeres (São Tomé e Príncipe) e Zé Camarada (Timor-Leste).

"Teremos oportunidade de, em 2021, comemorar de outra maneira. Em 2020, é a comemoração possível. Dentro dos condicionalismos que estamos a viver, é multifacetada, digna e com a visibilidade possível", garantiu o presidente do Instituto Camões.

www.dn.pt

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!