Construção - Reforma - Manutenção

Construção - Reforma - Manutenção
Clientes encantados é a nossa meta!

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

O Brasil comemora hoje, 13, os 105 anos de Luiz Gonzaga


Resultado de imagem para 105 anos de luiz gonzaga

Hoje é o “Dia do FORRÓ”. Os 105 de anos de Luiz Gonzaga, que se completariam nesta quarta feira, dia 13 de dezembro, serão comemorados em várias cidades do Nordeste, com muita festa para celebrar o aniversário do Nordestino do Século XX

Pai, Januário José dos Santos, mãe, Ana Batista de Jesus; porque então o nome de Gonzagão era Luiz Gonzaga do Nascimento? Simples: Luiz porque ele nasceu no dia 13 de dezembro, dedicado a Santa Luzia, Gonzaga porque o padre que o batizou era devoto de São Luiz Gonzaga e do Nascimento porque ele nasceu no mesmo mês que Jesus Cristo!

A saga de Gonzaga todos os seus fãs já conhece: se apaixonou pela filha de um Coronel, ameaçou-o em plena feira livre de Exu e o poderoso fazendeiro foi se queixar do desaforo para D. Santana. Esse deu uma bela surra no filho e ele, aos 17 anos resolveu, então fugir de casa.

Alistou-se para servir o Exército, onde ficou até 1939, passando por diversos estados, por fim resolveu ficar no Rio de Janeiro. Lá começou a se apresentar em bares, nas docas do porto, nas ruas e começou a frequentar programas de rádio quando venceu a resistência de Ary Barroso, parou de se apresentar tocando polcas, tangos e outros ritmos estrangeiros e tascou a sua impagável “Vira e Mexe”. Foi a senha para o estrondoso sucesso.

Resultado de imagem para 105 anos de luiz gonzaga

A voz que representou a cultura nordestina Brasil a fora se calou na madrugada do dia 2 de agosto de 1989. Ele passou 42 dias internado sofrendo de câncer na próstata e osteoporose, “Hospital Santa Joana”, na cidade de Recife. Após o agravamento dos malefícios veio a falecer aos 76 anos de idade, em conseqüência de parada cardíaca por pneumonia.

O corpo do Rei do Baião foi velado em Recife/PE, onde houve uma forte manifestação popular ao artista que levou a cultura nordestina Brasil a fora. Após ser velado na capital pernambucana ele foi transportado inicialmente para a cidade de Juazeiro do Norte, e daí para sua cidade natal, em Exu, onde foi sepultado.

Museu com a sua história

Resultado de imagem para museu de luiz gonzaga

Idealizado pelo próprio Luiz Gonzaga, o primeiro museu de sua cidade natal, Exú-PE, é o lugar onde estão suas memórias. No local além de ter o seu mausoléu onde ele está sepultado junto com sua primeira mulher (“dona” Helena), que seu filho Gonzaguinha mandou construir para o casal, é o lugar onde fica abrigado o maior acervo material original do músico como sanfonas, chapéus, sandálias e gibão de couro, discos de ouro, fotografias e os objetos pessoais do músico.

Em Caruaru e Recife também é possível conferir fotografias, peças do seu vestuário, documentos pessoais e discos raros num museu na capital do forró, e em um memorial no Recife.

Filme

"De Pai pra Filho" narra a história de Luiz Gonzaga, e seu filho Gonzaguinha, que também era músico. (1945-1991). Dois artistas que mesmo diferentes tinham em comum a música.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!