Construção - Reforma - Manutenção

Construção - Reforma - Manutenção
Clientes encantados é a nossa meta!

domingo, 19 de novembro de 2017

CLIPE DE MARCA DE CERVEJA TENDO “ASA BRANCA” COMO MOTE, FOI GRAVADO EM EXU PE


Resultado de imagem para clipe em homenagem a gonzaga na faz araripe 2017

Parte de uma campanha publicitária, o vídeo Eterno Gonzagão, mesmo contando com a participação de mais de 70 artistas nordestinos, não fez o sucesso esperado, decorridos 120 dias de lançado

Asa Branca, um dos maiores clássicos de Luiz Gonzaga, completa 70 anos em 2017 e, para celebrar a data, o artista ganhou seu primeiro videoclipe oficial. O vídeo, batizado de Eterno Gonzagão, contou com a participação de mais de 70 artistas nordestinos.

Uma imagem de Luiz Gonzaga, do acervo da TV Cultura, foi projetada sobre a capela da Fazenda de Araripe, em Exu, no Sertão de Pernambuco; e os artistas fizeram sua performance de Asa Branca diante do prédio, complementando a do próprio Gonzagão. O vídeo faz parte de uma campanha publicitária de uma marca de cerveja e, publicidade ou não, emociona.

Participaram do projeto artistas como Oswaldinho do Acordeon, parceiro de Gonzaga; Joquinha Gonzaga, sobrinha do Rei do Baião; e sanfoneiros como Clayton Sobrinho Gama, Ana Caroline Lourenço da Silva, Sarah Assis, João Roberto de Santana Alves, Terezinha Bezerra Chaves, Lulinha Alencar, Enok Virgolino Dantas e José Marcelino da Silva. Daniel Gonzaga, filho de Gonzaguinha e neto de Gonzagão, acompanhou o processo de criação do clipe, e também foi responsável por liberar os direitos autorais para a divulgação do projeto.

Resultado de imagem para clipe em homenagem a gonzaga na faz araripe 2017

O clip foi produzido a partir de imagens de um vídeo inédito em que Gonzaga toca Asa Branca só em voz e sanfona, resgatado do acervo da TV Cultura de São Paulo. Aos pés do Luiz gigantesco projetado no vídeo mapping da fachada da casa onde nasceu Gonzagão, cerca de 50 “sanfoneiros machos” e algumas sanfoneiras.

A comunidade da Fazenda Araripe também participou das gravações. Logo atrás dos sanfoneiros, ajudaram no coro, dançaram e tiraram fotos. Uma das que estavam lá, quando era criança, conheceu Gonzagão de perto. Ele e a mãe dela eram vizinhos. “É como se tivesse vendo ele de novo, né? Só que maior. Ele é grande desse jeito aí mesmo”, disse Jamila Maria de Souza, 49 anos.

Lançada em 1947, Asa Branca é uma parceria de Luiz Gonzaga com Humberto Teixeira – e já foi regravada mais de 350 vezes, por artistas de estilos tão variados como Agnaldo Rayol, Toquinho, Raul Seixas, Ney Matogrosso, Caetano Veloso e Wilson Simonal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!