Construção - Reforma - Manutenção

Construção - Reforma - Manutenção
Clientes encantados é a nossa meta!

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

"Silêncio"| Filme de Scorsese sobre os jesuítas portugueses no Japão, bastante cotado para o Oscar 2017


Resultado de imagem para silêncio - martin scorsese

O Oscar não seria o mesmo sem a participação de um trabalho do mestre Martin Scorsese e ‘Silence’, o novo filme do monstro sagrado, é uma das apostas para o prêmio maior do cinema mundial
"Silêncio", o filme que Martin Scorsese manteve na gaveta durante quase 20 anos, posiciona-se na corrida para os Óscares com a antecipação da data de estreias nos Estados Unidos, onde está sendo exibido desde 23 de Dezembro.

Baseado no romance homônimo de Shusaku Endo, "Silêncio" acompanha os padres jesuítas portugueses perseguidos durante a sua missão no Japão, no século XVII.

O épico religioso (que encerra uma espécie de trilogia espiritual iniciada com "A Ultima Tentação de Cristo" (1988) e "Kundun" (1998) conta com Liam Neeson no papel do Padre Cristóvão Ferreira e Andrew Garfield como o Padre Sebastião Rodrigues.
Resultado de imagem para silêncio - martin scorsese

O argumento, de Jay Cocks, colaborador de Scorsese em "Gangues de Nova Iorque" e "A Idade da Inocência", lança um olhar sobre sobre a tumultuosa história do cristianismo no Japão, no século XVII.

A história, acompanha Sebastião Rodrigues (Andrew Garfield) e Francisco Garrpe (Adam Driver), dois padres jesuítas vindos de Portugal que viajam até ao Japão, sob ordens da igreja, na esperança de encontrarem o seu mentor, o padre Cristóvão Ferreira (Liam Neeson), que alegadamente cometeu apostasia.

Nas terras nipônicas, sob o regime Xogunato Tokugawa, que baniu o catolicismo e quase todo o contacto com o estrangeiro, os dois jovens religiosos testemunham a perseguição dos japoneses cristãos pela mão do seu próprio governo. Eventualmente, o par separa-se, com Rodrigues a viajar até ao campo, interrogando-se sobre o silêncio de Deus face ao sofrimento dos seus filhos.

Scorsese foi 12 vezes nomeado para os Óscares, tendo ganho o prêmio de melhor realizador com o filme "Os Infiltrados", em 2006.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!