segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

2017 | Meio século do ano mais profícuo da história do rock in roll


 Resultado de imagem para os melhores discos de 1967       

Quem, em 1967, já tinha ouvido falar de Johnny Allen Hendrix? Aí aconteceu o lançamento de Are You Experiencedpara e diferentes gerações de artistas e ouvintes foram influenciados por sua música

Obra de estreia do guitarrista Jimi Hendrix ao lado dos parceiros Mitch Mitchell e Noel Redding, o registro é um curioso e hipnótico exercício para as guitarras, que passeiam tanto pela agressividade de Foxy Lady, como o toque sensual da música negra em Red House. Iniciava-se ali uma fase mágica do rock.

Para muitos, 1967 foi o melhor ano da história do rock. Pode ser um exagero, mas certamente o rock viveu um de seus melhores 12 meses. Motivos para isso não faltam: os Beatles lançaram o disco que mudou o mundo, Jimi Hendrix apareceu, os Doors estrearam, o Velvet Underground colocou o seu primeiro álbum nas lojas, o Pink Floyd veio ao mundo, o Cream lançou a sua obra-prima. A explosão da psicodelia e do Flower Power fizeram do ano uma grande celebração na cronologia da música.

Top 5
Resultado de imagem para os melhores discos de 1967

Os cinco grandes hits do ano foram "A Whiter Shade of Pale" do Procol Harum, "I'm a Believer" dos Monkees, "All You Need is Love" e "Strawberry Fields Forever" dos Beatles, e "Light My Fire" do The Doors. Outros grandes sucessos de 1967 foram “Penny Lane”, “A Day in the Life”, “Hello Goodbye" (todas dos Beatles), “People Are Strange”, “Break on Through” (The Doors), “Let's Spend the Night Together”, “Ruby Tuesday”, “She's a Rainbow" (Rolling Stones), “Mellow Yellow” (Donovan), “Gimme Some Lovin’" (Spencer Davis Group), “Respect”, “Chain of Fools" (Aretha Franklin), entre outros.


O disco mais vendido do ano foi Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band, dos Beatles, enquanto o single número 1 foi "Release Me", de Engelbert Humperdinck.

Diversos nomes que se transformariam em músicos importantes, conhecidos e influentes no futuro nasceram em 1967, como Dave Matthews, Kurt Cobain, Billy Corgan, John Popper (Blues Traveler), Mike Portnoy, Chuck Schuldiner, Noel Gallagher, Dave Navarro, Glen Benton (Deicide), John Petrucci, Serj Tankian, Jeff Tweedy (Wilco) e Steven Wilson. O ano ficou marcado também pela perda de artistas como John Coltrane, J.B. Lenoir, Brian Epstein, Woody Guthrie e Otis Redding.

Vieram ao mundo em 1967 bandas importantíssimas, como Blue Cheer, Blue Öyster Cult, Chicago, Creedence Clearwater Revival, Fleetwood Mac, Genesis, James Gang, Jethro Tull, Procol Harum, Santana, Sly & The Family Stone, Spirit, Status Quo, The Stooges, T. Rex e Van der Graaf Generator.
Resultado de imagem para os melhores discos de 1967

O Grammy realizou a sua 9ª edição, premiando como Gravação do Ano a canção "Strangers in the Night" de Frank Sinatra, e como Álbum do Ano A Man and His Music, também de Sinatra. O prêmio de Canção do Ano foi para "Michelle", dos Beatles.

Como sempre, para chegar à lista de melhores discos do ano, fizemos um levantamento em diversos estudos similares, identificando os principais lançamentos do período. Tendo uma pré-lista com mais de uma centena de títulos nas mãos, jogamos todos estes dados em nosso banco de dados e aplicamos as notas do Rate Your Music, All Music e de uma terceira fonte (geralmente a Rolling Stone, mas quando não conseguimos encontrar a avaliação da revista variamos entre DownBeat, Sputnik Music e Pitchfork).


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!