Construção - Reforma - Manutenção

Construção - Reforma - Manutenção
Clientes encantados é a nossa meta!

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Para os momentos de ócio das férias, alguns dos melhores livros publicados em 2016



Férias chegando e, naqueles momentos em que você não está a fim de sol, praia e outros programas outdoor, nada melhor do que uma boa leitura e, para auxiliá-lo na escolha, listamos alguns dos melhores livros publicados no ano

Assim como os grandes estúdios de Hollywood que tem as suas apostas para esse ano, também as grandes editoras de livros têm as suas apostas em títulos que buscam prender a atenção do leitor. 

Assim, após pesquisas, descobrimos muitas novidades que nos permitem dizer que tivemos um 2016 recheado de blockbusters literários. Vejamos:

Mr. Mercedes (Stephen King)
“Mr. Mercedes” é um thriller de mistério. No contexto está o policial aposentado, Bill Hodges, que acaba saindo do ostracismo para encontrar um assassino psicótico chamado Mr. Mercedes que cometeu um assassinado em massa dirigindo seu Mercedes anos atrás. Esse o livro é a primeira parte de uma trilogia planejada para o personagem que já está em seu segundo volume.

A Ditadura Acabada (Elio Gaspari)
Durante três décadas, o jornalista Elio Gaspari reuniu documentos inéditos e fez uma exaustiva pesquisa sobre o governo militar no Brasil. O resultado desse meticuloso trabalho gerou um conjunto de quatro volumes que compõe uma obra sobre a história recente do país. A série é formada por quatro livros: A Ditadura Envergonhada, A Ditadura Escancarada, A Ditadura Derrotada e a Ditadura Encurralada .

Gaspari vai fundo em suas pesquisas e desencava temas delicados como a edição do AI-5, no final de 1968, que suspendeu direitos constitucionais dos brasileiros, dando início a ditadura militar. Reconstitui os momentos mais tenebrosos do regime, como a prática da tortura contra os opositores do sistema e a violência empregada contra os guerrilheiros do Araguaia, um dos últimos núcleos de resistência política. O assassinato do jornalista Wladimir Herzog em outubro de 1975, nas dependências de uma unidade do Exército também é abordada de maneira profunda. Enfim, Gaspari faz revelações surpreendentes. Tão surpreendentes que os livros chegaram a ganhar status de Best Seller.

Vozes de Chernobyl (Svetlana Alexievich)
Resultado de imagem para vozes de chernobyl
A obra publicada, originalmente, em 1997 conta com o Prólogo de Lyudmilla Ignatenko, mulher de um bombeiro morto por causa da explosão do reator nuclear de Chenobyl e intitula-se Uma Voz Humana Solitária.

"Vozes de Chernobyl" documenta as vivências orais sobre o trauma causado pela maior catástrofe nuclear da história da humanidade e que evidenciou a ameaça que o fracassado projeto soviético representava para o resto do mundo.

Absolutamente nenhuma autoridade falava de radiação, mas por outro lado, somente os militares usavam máscaras nas ruas da cidade.

Carlos Lacerda (Mário Magalhães)
Para quem não sabe, ele foi o autor da premiada biografia de Carlos Marighella. E agora, o seu novo trabalho vai contar os últimos 13 anos de Carlos Lacerda, de 1964 a 1977, período em que esteve na oposição a ditadura militar, cuja implantação ele apoiara no primeiro momento.

O autor estará revelando os bastidores da espionagem contra o ex-governador carioca e já conseguiu reunir 4 mil páginas de documentos sobre o assunto, antes sigilosos, produzidos pelas inteligências brasileira, americana e soviética. Vale lembrar que Lacerda foi um dos protagonistas do Golpe de 1964.

Ainda hoje Lacerda estimula paixões, contra e a favor. Magalhães disse que o seu propósito, como na biografia “Marighella’’, não será escrever um editorial, decretando sentenças, mas contar escrupulosamente a trajetória de Carlos Lacerda, contribuindo para que cada leitor possa formar seu próprio juízo”.

P.S. Ainda Amo Você (Jenny Han)
O livro conta a história de uma garota chamada Lara Jean, que já teve vários namorados, mas... esses relacionamentos aconteceram somente em sua cabeça.

Para cada garoto por quem se apaixonou e desapaixonou platonicamente, ela escreveu uma bela carta de despedida. Cartas muito dela, muito pessoais, que de repente e sem explicação foram parar nas mãos dos destinatários.

“P.S. Ainda Amo Você” chegou ao segundo lugar na lista de mais vendidos do The New York Times na semana do lançamento. Outra prova do sucesso da autora dos livros é que os direitos de adaptação “De Para Todos Os Garotos Que Já Amei” para o cinema foram adquiridos pela produtora do ator Will Smith, a Overbrook Entertainment.

A Sereia (Kiera Cass)
Depois de algum tempo, quando já estava hiper-famosa, graças ao sucesso do segundo volume da saga “A Seleção”, ela decidiu reescrever a história que será publicada no Brasil pela editora Seguinte.

Lindo, carinhoso e gentil, o garoto é tudo o que Kahlen sempre sonhou. Apesar de não poderem conversar — pois a voz da sereia é fatal —, logo surge uma conexão intensa entre os dois. É contra as regras se apaixonar por um humano, e se a Água descobrir, Kahlen será obrigada a abandonar Akinli para sempre. Mas pela primeira vez em muitos anos de obediência, ela está determinada a seguir seu coração.

Depois de Você (Jojo Moyes)
Morando em um flat em Londres, ela trabalha como garçonete em um pub no aeroporto. Certo dia, após beber muito, Lou cai do terraço. O terrível acidente a obriga a voltar para a casa de sua família, mas também a permite conhecer Sam Fielding, um paramédico cujo trabalho é lidar com a vida e a morte, a única pessoa que parece capaz de compreendê-la.

Ao se recuperar, Lou sabe que precisa dar uma guinada na própria história e acaba entrando para um grupo de terapia de luto. Os membros compartilham sabedoria, risadas, frustrações e biscoitos horrorosos, além de a incentivarem a investir em Sam. Tudo parece começar a se encaixar, quando alguém do passado de Will surge e atrapalha os planos de Lou, levando-a a um futuro totalmente diferente.

Esperando que a presente relação seja do seu agrado e lhe ajude na escolha de boas leituras, desejamos a todos que nos acompanham aqui no Artecultural, um 2017 de muitas realização, com saúde e harmonia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!