sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Os contrastes das hospedagens ao redor do planeta: de R$ 51 mil a R$ 5,00 há opções para todos os gostos (e bolsos...)


Palms Casino Resort um dos hotéis mais caros do mundo
Quando se planeja uma viagem, é bastante comum que se tenha um grande interesse em ficar bem instalado, no entanto, o que acontece é que muitos hotéis podem não ser compatíveis com o bolso do turista

No caso dos muitos caros, eles estão bem longe da realidade da maioria dos mortais comuns e por isto, acabam por ser destinados para um publico bastante seleto, como por exemplo as celebridades em geral, assim como também pessoas de alto poder aquisitivo.

Traçamos um paralelo e fomos aos extremos para quem tem interesse em conhecer estes exclusivíssimos hotéis que cobram as diárias mais caras do mundo e outros que estão do lado contrário e acolhem os visitantes sem o conforto dos suntuosos mas que não dói no bolso de ninguém. Vejamos alguns exemplos:.

Park Hyatt Vendôme
Park Hyatt Vendome um dos hotéis mais caros do mundo

O primeiro que iremos citar, é para contradizer muitas pessoas, que provavelmente acreditariam que o hotel com a diária mais cara do mundo estaria na capital francesa, Paris. Entre os 10 mais caros, esta diária foi a menor, no Hotel Park Hyatt Vendôme em París, custa aproximadamente 15,5 mil dólares. Com este valor poderia comprar um apartamento simples na periferia de qualquer cidade do Brasil.
Burj Al Arab
Burj Al Arab

O quarto hotel que também é considerado como uma das hospedagens mais caras do mundo, é o Hotel Burj Al Arab, que fica localizado em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. Sua diária seria de aproximadamente 18 mil dólares. O hotel é umas obras mais exuberantes do oriente médio, construído praticamente em alto mar. Como hospede, você pode desfrutar do restaurante abaixo do mar, com paredes que se parecem um aquário enorme.

LE Richemon
LE Richemond

O terceiro hotel do mundo com a diária mias cara, seria o LE Richemon que fica localizado em Genebra na Suíça, sendo que a diária para um apartamento simples neste hotel seria de nada mais do que aproximadamente 17,5 mil dólares, um luxo para quem deseja se hospedar com bastante estilo e qualidade. É o hotel mais caro e tradicional da Suíça. Ele possui uma linda vista para o lago de Genebra.

O REVERSO DA MEDALHA


Quando se pensa em hotel barato, geralmente a ideia inclui uma cama desconfortável, nada de café da manhã e um banheiro compartilhado. E barato costuma significar algumas dezenas de reais… mas existem localidades onde é possível se hospedar com valores bem baixos.

Sri Lanka
Resultado de imagem para sri lanka hoteís baratos


Esse país do sudeste da Ásia, atrai um número crescente de turistas, interessados em aproveitar o clima agradável e curtir o estilo de vida extremamente saudável, graças à paz que muitos dos destinos por lá transmitem. É possível encontrar diárias por apenas R$ 18, em muitos hotéis. Com esse preço, não dá para exigir muito mas se você estiver disposto a gastar cerca de R$ 50, já consegue um quarto com banheiro individual e acomodações dignas.

Equador
Resultado de imagem para equador hoteís baratos

Entre os países da América do Sul, é um dos mais baratos e vale a pena visitar. Diárias em um quarto individual custam em média R$ 30, na maioria dos hotéis em Quito, e pelo mesmo valor, você pode comer muito bem em qualquer restaurante. O país é dono de uma incrível riqueza natural, não só nas belas costas, mas também em suas montanhas, onde a biodiversidade tem sido elogiada até pelo The New York Times. Algo ufanistas, os moradores não hesitam em afirmar que vivem no país mais bonito do mundo.


Índiabarato3

O caso deste hotel flutuante de Bangladesh, é único no mundo e o preço é realmente baixo: apenas 30 takas (o equivalente a R$ 1,22).

Para manter um valor tão baixo, os hóspedes do FaridpurHotel, em Dhaka, terão que sacrificar praticamente qualquer ideia de conforto. O hotel é composto de cinco barcos separados e oferece acesso à água limpa e banheiros, bem como um cofre para que cada pessoa guarde seus pertences em segurança.

Ao todo, são 48 quartos, sendo que o mais barato deles custa apenas 30 takas (ou R$ 1,22). Ao escolher essa opção, os hóspedes precisam dividir o quarto e não tem direito sequer a um colchão. Café da manhã, então, nem pensar!

Mas nem tudo está perdido, pois uma noite no quarto mais caro do Faridpur Hotel sai por 120 taka (cerca de R$ 4,91). Nesse caso, os hóspedes garantem uma cabine privada. O hotel recebe em sua maioria mercadores que precisam ter acesso à região e optam pelo local graças aos baixos preços.

Escolha o seu hotel e boa viagem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!