Construção - Reforma - Manutenção

Construção - Reforma - Manutenção
Clientes encantados é a nossa meta!

sábado, 27 de fevereiro de 2016

Um dos destinos mais concorridos do Nordeste, Maragogi AL terá novo aeroporto regional



A cidade de Maragogi foi escolhida como a primeira para ter construída o Aeroporto regional no Brasil pelo potencial turístico da cidade. No momento, é a terceira cidade mais procurada e visitada pelos turistas no Nordeste
Localizada entre as capitais de Recife (PE) e Maceió (AL), Maragogi é um dos destinos beneficiados no Estado de Alagoas pelo Programa de Aviação Regional da Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República. 

A cidade, que vai receber um aeroporto construído do zero, é uma das 270 contempladas no País com melhorias de infraestrutura aeroportuária. O município foi selecionado de acordo com critérios técnicos do Estudo de Competitividade dos 65 Destinos Indutores do Desenvolvimento Turístico Regional, do Ministério do Turismo. 

O acesso à beleza natural da praia é feito até hoje por transporte aéreo, desembarcando nas capitais Recife e Maceió, seguido por uma viagem de mais de duas horas por estrada. Com a construção do novo aeroporto espera-se um fortalecimento da vocação turística da região com a ampliação e chegada, mais fácil e mais rápida, de visitantes.

Tarifas mais baratas

A Lei dos Subsídios (nº 13.097) prevê a redução dos custos de operação de rotas regionais, que chegam a ser 31% mais caras que os trechos operados entre capitais. O objetivo é aumentar o interesse das empresas aéreas e expandir a malha aérea do País, ampliando o fluxo de passageiros para cidades fora dos grandes centros urbanos. 

Quando aprovada, a regulamentação da Lei vai normatizar o subsídio de 50% da ocupação da aeronave ou até 60 passageiros em todo o País (à exceção da Amazônia Legal), além de subsídios nas tarifas e rotas em aeroportos com movimentação anual de 600 mil passageiros.

Premissas do programa

O Programa de Aviação Regional foi criado em 2012 com o objetivo de conectar o Brasil e levar desenvolvimento e serviços sociais a lugares distantes das capitais brasileiras

Mais de 40 milhões de brasileiros vivem, hoje, a centenas de quilômetros do aeroporto mais próximo da região. O programa trabalha para encurtar essas distâncias, aproximando moradores e turistas dos aeroportos brasileiros. O objetivo é que 96% da população esteja a, no máximo, 100 quilômetros de um terminal aeroportuário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!