sexta-feira, 13 de novembro de 2015

KAFKA | 2015 marca os 100 Anos de Metamorfose na Literatura

Em 2015, Um dos clássicos da literatura mundial, a publicação da breve narrativa A metamorfose completa 100 anos. Ou seja: há um século, Kafka trancou seus leitores no quarto de Gregor Samsa, confrontados com a arte da interpretação

O curso se dedica à discussão desta e de outras obras do autor, sempre em contraponto com a leitura dos seus principais críticos, em especial Benjamin, Deleuze e Agamben. O impossível, um mote tão caro à narrativa kafkiana, será também nosso ponto de partida, já que aquilo que nos metamorfoseia como leitores é justamente o percurso sempre inaugural proposto por esta obra centenária, porém de sentidos inesgotáveis.

Kafka escreveu 'A metamorfose' entre 17 de novembro e 7 de dezembro de 1912. A publicação, no entanto, só ocorreu em 1915. O livro conta a história do caixeiro-viajante Gregor Samsa, transformado em inseto monstruoso. A história é narrada com um realismo inesperado, que associa o senso de humor ao que é trágico, grotesco e cruel na condição humana.

O título da obra reflete o perfil de Kafka, um escritor extremamente meticuloso, a ponto de se tornar obsessivo, com a utilização das palavras.

Bibliografia
Obras de Franz Kafka: A metamorfose; Um artista da fome; A mensagem imperial; Preocupações de um pai de família; O processo; O castelo; Diário /Correspondência.

Obras sobre Kafka:

Gilles Deleuze / Félix Guattari. Kafka: por uma literatura menor.

Walter Benjamin. Franz Kafka: a propósito do décimo aniversário de sua morte.

Theodor Adorno. Anotações sobre Kafka.

Günter Anders. Kafka: pró e contra.

Elias Canetti. O outro processo.

Giorgio Agamben. Estado de exceção. / O homem sem conteúdo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!