domingo, 1 de novembro de 2015

Espetáculo Hysterica Passio, da dramaturga espanhola Angélica Liddell, estreia no Espaço Parlapatões

Texto inédito da dramaturga espanhola, narra a história de Hipólito, que aos 12 anos resolve se vingar dos pais pelos maus tratos por ele sofridos. Montagem do Teatro Kaus tem direção de Reginaldo Nascimento e tradução de Aimar Labaki

O HYSTERICA PASSIO, da dramaturga espanhola Angélica Liddell, texto inédito no Brasil, estreou dia 17 de outubro no ESPAÇO PARLAPATÕES. Peça conta a história de Hipólito, que aos 12 anos resolve se vingar dos pais pelos maus tratos por ele sofridos. Montagem do Teatro Kaus, tem direção de Reginaldo Nascimento e tradução de Aimar Labaki. Elenco reúne os atores Alessandro Hernandez e Amália Pereira.

Em HYSTERICA PASSIO, Hipólito filho da esquálida enfermeira Thora e do pálido dentista Senderovich, assume diversas figuras alegóricas em cena: a de um mestre de cerimônias, a de seu pai já morto e a dele mesmo na infância. Apresenta, a sua vida e a de seus pais, retomando os momentos de sua história para questionar, julgar e condenar a dor que sente, as feridas ainda não cicatrizadas. Sobrevivente aos abusos que sofreu durante a infância, chega aos 12 anos com um propósito claro, vingar-se.

“Liddell, é uma contundente dramaturga, que aprofunda as questões acerca do ser humano e suas dores mais íntimas. É uma autora que faz sangrar as palavras e me possibilita uma investigação poética, estética e cênica, onde o foco é o ser humano e sua aventura de viver”, afirma o diretor Reginaldo Nascimento. “Este é o segundo texto da Angélica que encenamos, o primeiro foi O Casal Palavrakis, em 2012. Ambos fazem parte da obra Tríptico da Aflição”, completa o diretor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!