quinta-feira, 2 de julho de 2015

70 anos após a morte do escritor paulista Mário de Andrade, Flip motiva lançamento de livros e tem exposição sobre autor



Mário de Andrade será o homenageado deste ano da 13ª Festa Literária de Paraty (Flip). Além de ser o tema de uma conferência de abertura, de mesas e de uma exposição durante a programação, uma editora irá lançar uma versão em quadrinhos de Macunaíma. A Flip foi aberta ontem, 1º e vai até o dia 5 de julho, na cidade de Paraty (RJ)

Em 2015, completa-se 70 anos da morte de Mário de Andrade. Seus escritos se tornam de domínio público no ano que vem, mas até então a editora Nova Fronteira detém os direitos. Por isso, ela lançará, para a Flip, uma versão em quadrinhos de "Macunaíma", com roteiro de Izabel Aleixo e ilustrações de Kris Zullo. Além disso, a editora planeja publicar o inédito romance Café, obra não-concluída do escritor paulista.

A organização do evento também confirmou nomes para a Flipinha, programação infantil do evento: Odilon Moraes, ilustrador do livro Será o Benedito! (Cosac Naify), e Luciana Sandroni, autora da biografia O Mário que não é de Andrade (Companhia das Letrinhas).

A curadoria continua a cargo do jornalista e editor Paulo Werneck. Ele foi o responsável pela programação da Flip de 2014, que teve como homenageado Millôr Fernandes e muitas mesas sobre humor.

2015 de Andrade

Este ano, as homenagens ao escritor não se esgotam na festa. Em fevereiro, a Edições de Janeiro lançará "Eu sou trezentos - Mário de Andrade: Vida e obra", primeira biografia do autor, escrita por Eduardo Jardim. Além disto, o Instituto de Estudos Brasileiros (IEB) da USP planeja lançar novos volumes de correspondências entre o escritor e personalidades como Anita Malfatti e Alceu Amoroso Lima.

Substituto de Roberto Saviano
Após o cancelamento da participação de Roberto Saviano na Flip 2015, a organização anunciou que a mesa que o italiano participaria passa a se chamar Jornalismo de Guerrilha, com os jornalistas mexicanos Ioan Grillo e Diego Osorno, especialistas na cobertura da guerra entre cartéis mexicanos de tráfico de droga.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!