domingo, 10 de maio de 2015

Em “E La Nave Va”, Federico Felini traça um perfil da sociedade italiana e a correlação entre as classes sociais





Zapeando os canais da TV no último sábado (9), paro do canal Cine Clube Arte 1 Clássicos que reapresentava uma obra impagável de Federico Fellini: a “E La Nave Va”, longa onde o diretor mostra sua visão da sociedade italiana, trazendo personagens de diferentes classes 


Considerado um dos maiores nomes do cinema europeu, o cineasta italiano Federico Fellini imprimiu em seus filmes um estilo inconfundível. Suas obras são como crônicas da sociedade italiana, sempre trazendo personagens de diferentes classes sociais.

Comportamentos exagerados e o jogo entre a realidade e a fantasia também são elementos que permeiam sua filmografia. No longa “E La Nave Va”, de 1983, uma de suas últimas obras, não poderia ser diferente.

A história se passa em 1914, durante a Primeira Guerra Mundial, quando um grande navio deixa a Itália rumo ao mar da Grécia. A bordo, artistas, músicos e nobres estão reunidos para levar as cinzas da falecida cantora lírica Edmea para sua terra natal. A viagem começa a se complicar, quando os passageiros descobrem um grupo de refugiados sérvios no convés da embarcação. Entre os destaques da produção está a atuação da coreógrafa alemã Pina Bausch.

Reprise neste domingo (10)

Para quem não assistiu ontem, o filme será reapresentado neste domingo, 10/5, às 15h40. Imperdível para os amantes da sétima arte!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!