quarta-feira, 22 de abril de 2015

Em ‘Jurassic World’ um dinossauro geneticamente modificado toca terror em um parque nos moldes de Sea World





O Jurassic Park, localizado na ilha Nublar, enfim está aberto ao público. Com isso, as pessoas podem conferir shows acrobáticos com dinossauros e até mesmo fazer passeios bem perto deles, já que agora estão domesticados, mas uma das espécies logo adquire inteligência bem mais alta, logo se tornando uma grande ameaça para a existência humana

Rodado no Havaí e na Louisiana, Jurassic World será ambientado na Ilha Nublar dos dias atuais, e a ameaça da vez é um dinossauro geneticamente modificado criado em pesquisas de laboratório.

O elenco conta com Chris Pratt , Bryce Dallas Howard , Vincent D'Onofrio , Ty Simpkins , Nick Robinson, Omar Sy , Irfan Khan , B.D. Wong , Judy Greer , Katie McGrath e Lauren Lapkus. A direção é de Colin Trevorrow .

Jurassic World‘ é situado na Ilha Nublar dos dias de hoje, que agora é um parque temático real de dinossauros, como inicialmente previsto por John Hammond no primeiro filme. O parque recebe 10 milhões de visitantes por ano e é completamente seguro – até que algo errado acontece. 

O parque é descrito como um Sea World de dinossauros, que inclui uma área chamada de Lagoa da Ilha Nublar. Isso significa que, pela primeira vez na franquia, veremos dinossauros aquáticos. Como parte de um show, os dinossauros pulam para fora da lagoa para se alimentarem de grandes espécimes de tubarão-branco, pendurados como se fossem um peixe para um golfinho.

Os Velociraptores e o Tiranossauro Rex, que antes eram os grandes vilões, serão usados para ajudar a combater a nova ameaça, uma nova espécie de dinossauro que se mostra muito mais inteligente do que se pensava inicialmente, e será a principal causa de estragos no parque.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!