terça-feira, 21 de abril de 2015

A incrível história da casa da Sagrada Família em Nazaré, que hoje tem uma Basílica construída em volta dela e tornou-se um dos maiores santuários da Europa




A casa onde viveu a Sagrada Família em Nazaré é uma relíquia conservada pelos católicos na Terra Santa. Era uma casinha pequena, feita de pedras à maneira que os nazarenos construíam. Sob aquele teto sagrado, "O anjo do Senhor anunciou a Maria e ela concebeu do Espírito Santo"
Em uma operação melindrosa, a Casa da Sagrada Família que ficava em Nazaré, Israel, foi transportada inteira, sem ser demolida, para a região de Loreto, na Itália. Trata-se de um fenômeno que permanece sem explicação científica. A casa ainda é um grande centro de peregrinações dos cristãos em Nazaré.

Conhecendo a história

Os muçulmanos tinham invadido a Terra Santa. Por onde passavam saqueavam e destruíam principalmente as igrejas católicas e os lugares santos. Então, no ano de 1291, antes da chegada dos muçulmanos em Nazaré, a Casa da Sagrada Família desapareceu inexplicavelmente de sua locação e "apareceu" na cidade de Tersatz, na Dalmácia, perto do mar Adriático, a milhares de quilômetros de Nazaré. 

Na ocasião, o sacerdote local, que estava muito doente, ficou curado instantaneamente e passou a anunciar a visita de Maria e sua casa na cidade. Ele teve uma visão de Nossa Senhora na qual ela afirmou: "Aquela é a casa onde Jesus foi concebido pelo espírito Santo e onde a Sagrada Família morou em Nazaré!".

Primeiras investigações

O povo começou a fazer peregrinações até à casa e graças começaram a acontecer. O governador local ficou impressionado com o fato, mas quis confirmar a versão do padre. Por isso, enviou quatro especialistas à Terra Santa para tirarem a prova de que aquela era a casa verdadeira.

Primeiras conclusões

Os especialistas encontraram em Nazaré somente os alicerces da casa e os nazarenos espantados com o desaparecimento da mesma. E, para espanto de todos, os alicerces tinham as medidas e o tamanho idênticos aos da casa que aparecera em Tersatz. Estes alicerces estão até hoje em Nazaré, na Basílica da Anunciação, onde recebem a visita de peregrinos de todo o mundo. 

E a casa que estava em Tersatz não apresentava sinais de ter sido demolida e reconstruída. Ao contrário, ela estava intacta como era conhecida em Nazaré. Então, concluíram que Deus, em sua infinita bondade, ordenou que seus anjos transportassem pelo ar a casa em que Nossa Senhora havia recebido a visita do anjo para anunciar a Salvação do mundo. Esse foi o primeiro milagre. A casa logo se tornou centro de peregrinações.

Nossa Senhora de Loreto

Após ter ficado por mais de três anos da cidade de Tersatz, um novo milagre aconteceu. No dia 10 de dezembro de 1294, a casa milagrosamente levantou vôo rumo ao mar Mediterrâneo e foi parar nos bosques de Loreto, na cidade de Recanati, Itália. Então os fiéis se lembraram de uma profecia de São Francisco de Assis: "Loreto será um dos locais mais sagrados do mundo. Lá será construída uma Basílica em honra a Nossa Senhora de Loreto". De fato, hoje há uma Basílica que foi construída em volta da casa. Esta Basílica é um dos maiores santuários da Europa.

Comprovação do milagre

Vários estudos foram feitos a pedido da Igreja, envolvendo especialistas como engenheiros, arquitetos, físicos, historiadores e estudiosos. O espanto e admiração são constantes, pois, quanto mais se estuda, mais se comprova que um grande milagre aconteceu envolvendo esta casa. Abaixo, veja um resumo das conclusões dos pesquisadores:

Conclusões

1. A casa fica diretamente no chão, sem nenhuma base que a sustente, podendo passar uma barra de ferro em baixo dela.

2. As pedras de que é feita não existem na Itália, somente na Palestina, na região de Nazaré.

3. Sua porta é de cedro, madeira que não existe na Itália, sendo muito encontrada na Palestina.

4. O cimento que liga as pedras das paredes é de sulfato de cálcio e pó de carvão, muito usado na Palestina, usado no tempo de Jesus e desconhecido naquela época na Itália.

5. As medidas da casa são idênticas às da base que ficou em Nazaré.

6. A casa é pequena, mostrando a simplicidade da Sagrada Família, porem organizada, e com arquitetura simples, como do povo da época de Jesus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!