Construção - Reforma - Manutenção

Construção - Reforma - Manutenção
Clientes encantados é a nossa meta!

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Quadro de Monet pode bater novo recorde e chegar a US$ 45 milhões na Christie's

Quadro de Monet pode ser leiloado em Londres por US$ 45 milhões e, caso confirme-se, a cifra representaria um recorde de preço para uma obra do pintor impressionista

O quadro do pintor francês Claude Monet (1840-1926) Le Bassin aux Nymphéaspode ser vendido por US$ 45 milhões no leilão que a Christie's realizará em Londres no dia 24 de junho. Caso esse valor seja confirmado, representaria um recorde de preço para uma obra do pintor impressionista.

A avaliação foi feita pelo diretor do Departamento de Arte Impressionista e Moderna da Christie's no Reino Unido, Olivier Camu, durante a apresentação da obra, em Nova York, onde destacou que Le Bassin aux Nymphéas, cujo preço estimado de venda está entre US$ 35 milhões e US$ 45 milhões, reflete "uma das imagens que mais caracterizam o pintor francês".

O atual recorde de um quadro de Monet foi registrado precisamente na quinta-feira passada na sede nova-iorquina da casa de leilões, onde Le Pont sur le chemin de fer d'Argenteuil foi vendido por US$ 37 milhões.

Durante os últimos 20 anos de sua vida, Monet pintou 60 quadros com os nenúfares (planta semelhante à flor de lótus) como tema, a maioria dos quais se encontram em museus.

— O mais característico de 'Le Bassin aux Nymphéas', pintado em 1919, é que é uma das quatro únicas obras que o artista assinou e vendeu. Todos os outros foram guardados em seu ateliê até sua morte — explicou Camu.

O especialista observou que, além disso, é a única das telas possíveis de serem adquiridas hoje em dia, já que, das outras três, uma está no Museu Metropolitano de Arte de Nova York, outra foi destruída na Segunda Guerra Mundial e outra foi vendida a uma coleção privada americana, em 1992.

No leilão de junho se colocará à venda a coleção de arte impressionista e moderna mais valiosa já oferecida pela Christie's na Europa, na qual destaca um retrato de Matisse, Vue du cannet de Pierre Bonnard ou Compotier et guitarde Pablo Picasso.

A casa de leilões calcula que cada uma delas poderá ser vendida por um preço entre 3 milhões e 4 milhões de libras esterlinas (US$ 5,8 milhões e US$ 7,8 milhões).

Início difícil

O começo de sua carreira artística foi marcado por dificuldades financeiras. Porém, na década de 1870, começou a obter sucesso. Suas obras de arte seguiam, como temática principal, as paisagens da natureza. Trabalhava de forma harmônica as cores e luzes, criando imagens belas e fortes. Neste contexto artístico, podemos citar a série de pinturas que realizou sobre a catedral de Rouen (1892-1894), onde o artista retratou a construção em diversos momentos do dia, com variações de luminosidade.

Vale a pena destacar também as obras de arte com temas aquáticos como, por exemplo, os murais que realizou no Museu I’orangerie.

Monet morreu em 1926, na França, deixando um legado artístico reconhecido até os dias atuais. Alguns críticos de arte consideram Monet um dos mais importantes pintores de todos os tempos.

Principais obras de Monet:

· Estuário do Sena
· Impressão, Nascer do Sol
· Ponte sobre Hève na Vazante
· Camille
· O vestido verde
· A floresta em Fontainebleu
· Mulheres no Jardim
· Navio deixando o cais de Le Havre
· O molhe de Le Havre

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!