Construção - Reforma - Manutenção

Construção - Reforma - Manutenção
Clientes encantados é a nossa meta!

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

O Oscar do cinema independente, Spirit Awards, terá em 2015 dois brasileiros na lista de concorrentes



Mauricio Zacharias (O Amor é Estranho) concorre com os autores do novo filme de Tim Burton pelo título de melhor roteiro. Já Juliano Salgado disputa o prêmio de documentário por O Sal da Terra. Birdman tem o maior número de indicações: seis

O brasileiro Mauricio Zacharias concorre ao Spirit Awards 2015 na categoria de melhor roteiro, pelo filme O Amor É Estranho. Responsável pelo texto de produções como Madame Satã, O Céu de Suely (ambos dirigidos por Karim Ainouz) e Deixe a Luz Acesa (em parceria com Ira Sachs, também co-autor de Love is Strage, no original), ele terá como concorrentes os experientes Jim Jarmusch (Amantes Eternos), Dan Gilroy (O Abutre), os autores do novo filme de Tim Burton, Grandes Olhos, Scott Alexander e Larry Karaszewski, e J. C. Chandor (por A Most Violent Year).

Aclamado pela crítica norte-americana, O Amor É Estranho também concorre como melhor filme, ator (John Lithgow) e ator coadjuvante (Alfred Molina). No longa, exibido no último Festival do Rio, os dois vivem um casal. Ao resolver oficializar a união de mais de 40 anos, George (Molina) é demitido da escola onde leciona e os dois entram em crise.

Juliano Salgado co-dirigiu com o cultuado cineasta Wim Wenders o documentário O Sal da Terra, sobre o pai, o renomado fotógrafo Sebastião Salgado. O filme recebeu o Prêmio Especial na mostra "Un Certain Regard" no último Festival de Cannes, onde estreou, e foi escolhido como o filme de abertura do Festival do Rio 2014.

Birdman é o líder
Cena de " O Amor É Estranho"
O maior número de indicações foi para a comédia dramática de Alejandro González Iñárritu(Babel) Birdman: seis. Além de melhor filme e diretor, a produção concorre nas categorias de ator (Michael Keaton), atriz coadjuvante (Emma Stone), ator coadjuvante (Edward Norton) e fotografia (Emmanuel Lubezki).

Boyhood – Da Infância à Juventude; O Abutre, suspense protagonizado por Jake Gyllenhaal; e a cinebiografia do pastor e ativista Martin Luther King, chamada Selma (nome de uma das cidades-chave das manifestações), não fizeram feio e ficaram com cinco indicações cada.

Maior premiação do cinema independente norte-americano, a 30ª edição do Spirit Awards acontecerá no dia 21 de fevereiro - exatamente na véspera do Oscar.

Fonte: Adoro Cinema

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!