sexta-feira, 14 de novembro de 2014

O mundo relembrou ontem, 13, os 127 anos do ataque contra uma manifestação de desempregados, em Londres, que ficou conhecido como “Domingo Sangrento”





No dia 13 de novembro de 1887, a Polícia Metropolitana promoveu um selvagem ataque contra uma manifestação de desempregados, em Londres. Manifestantes, movendo-se em colunas de diferentes partes da cidade, foram separadamente atacados ao se aproximarem da Trafalgar Square


As manifestações eram contra a coação na Irlanda e para exigir a liberdade de William O’Brien. A manifestação foi organizada pela Radical Federation (Federação Radical).Na ação, os manifestantes foram agredidos com cassetetes e porretes e afugentados para as ruas laterais. 

As faixas foram apreendidas, os cartazes rasgados e as bandeiras destruídas. Aqueles que insistiram em chegar à praça foram acuados pelos cavalos da polícia. Muitos foram presos. Dois homens, gravemente feridos, vieram a morrer. O episódio foi chamado de o “Domingo Sangrento”.

Cerca de 11.000 manifestantes foram a Trafalgar Square desde diferentes lugares guiados por (entre outros) John Burns, Annie Besant e Robert Cunninghame-Graham, que eram líderes da SDF (Social Democratic Federation).

Dois mil policiais e 400 soldados militares foram empregados para deter a manifestação, mas nos enfrentamentos resultou em muita gente gravemente ferida, pelo que, requisitaram tratamento hospitalar. Burns e Cunninghame-Graham foram presos e encarcerados durante seis semanas.

A manifestação foi vista como uma virada crucial do novo movimento socialista e, para enfrentá-lo, inaugurou-se uma tática de repressão mais dura e brutal.

A Federação Democrática havia sido fundada pouco antes, em 1884. Tornou-se logo a seguir Federação Social Democrata e, em 1885, sofreu a sua primeira cisão quando um grupo chefiado por William Morris, Eleanor Marx e Tom Mann criou a Liga Socialista. Membros de ambas as organizações pertenciam também à Sociedade Fabiana. Radicais não-socialistas, nacionalistas irlandeses e até alguns membros do Partido Liberal também estavam envolvidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!