domingo, 15 de junho de 2014

Copa do Mundo motiva programação especial de museus e teatros de São Paulo

Com uma variada gama de atrações incluindo exposições que abordam questões que vão da importância do esporte para a língua portuguesa à homossexualidade no mundo do futebol, museus e teatros de São Paulo têm programação especial durante a Copa do Mundo

Os museus e teatros de São Paulo prepararam uma programação especial para os amantes do futebol durante a Copa do Mundo. Entre os meses de junho e julho, as instituições culturais do estado oferecem exposições, música e dança com essa temática.

O Museu da Língua Portuguesa abriu, na última segunda-feira, a mostra temporária O Futebol na Ponta da Língua. A exposição traz as influências do esporte no idioma, abordando o tema em três vertentes: língua, literatura e linguagem. A mostra ajuda os visitantes a reconhecer o significado de expressões como “goleiro leiteria”, “jogador gaveteiro”, “corta-luz”, “fazer cera” e “cavalo paraguaio”.

O Museu do Futebol, localizado sob as arquibancadas do Estádio do Pacaembu, vai funcionar em horário expandido, das 9h às 22h, com a exposição temporária Brasil 20 Copas. A mostra resgata todas as participações do país na competição. Além disso, celebra a atual participação brasileira no Mundial.

A relação entre os santos e o futebol será o assunto do Museu de Arte Sacra de São Paulo. Todo time tem um santo padroeiro e isso será tema das oficinas de futebol de botão, minipebolim e bola no gol.

No Museu Afro Brasil, a mostra O Negro no Futebol Brasileiro - A Arte e os Artistas destaca a presença de jogadores negros na história do futebol brasileiro e sua importância na construção da identidade nacional.

Na cidade de Tupã, o Museu Índia Vanuíre vai abordar a presença do futebol na cidade. A exposição relembra as figuras destacadas e valoriza a participação dos torcedores. A mostra reúne entrevistas com atletas antigos, fotografias, documentos e troféus que fazem parte do acervo do museu.

No Museu do Café, o público pode conferir a mostra de camisas de futebol, com dez peças históricas da seleção brasileira. São uniformes utilizados por jogadores profissionais em partidas de Copa do Mundo e amistosos de 1970 a 2011.

O tema da homofobia e do machismo dentro de campo e nas torcidas conduz a exposição do Museu da Diversidade Sexual, que apresenta imagens do fotógrafo Roberto Setton. Ele registrou, entre 2008 e 2012, o Futebol das Drags, evento que comemora o aniversário da Boate Blue Space com um jogo de futebol entre transformistas e funcionários.

Além dos museus, há atrações para quem aprecia dança e música. Em junho, a São Paulo Companhia de Dança apresenta dois programas: a remontagem de La Sylphide (Auguste Bournonville) e obras dos coreógrafos Jirí Kylián, Nacho Duato e William Forsythe.

A Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo fará apresentações na Sala São Paulo. Sob o comando da regente titular Marin Alsop, a orquestra faz apresentações programadas especialmente para o período da Copa. Entre o repertório estão Candide, de Leonard Bernstein, e a Nona Sinfonia de Beethoven.

Como se vê as atrações são variadas e abrangem diversos aspectos da cultura e da arte brasileiras, que podem ser conferidas por paulistas e visitantes.
Referência: EBC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!