Construção - Reforma - Manutenção

Construção - Reforma - Manutenção
Clientes encantados é a nossa meta!

sábado, 30 de novembro de 2013

Pedro Lima e Sam Alves são os melhores na primeira noite ao vivo do The Voice Brasil

"Bigode Grosso" emocionou plateia e telespectadores

Há quem compare o The Voice Brasil a um programa de calouros elitizado, mas a qualidade dos candidatos a celebridade é diferenciada e promete uma boa safra de novos artistas
Uma gozação já percorre as redes sociais: “o The Voice Brasil é o único programa onde os candidatos cantam melhor que os jurados”, mas quem acompanha e torce pelos concorrentes do The Voice Brasil quer mesmo é ver e torcer pelo seu preferido. 
A primeira noite de apresentações ao vivo da edição apresentada na última quinta-feira, pode ter deixado a impressão de um massacre: 11 candidatos foram eliminados na fase chamada de ‘tira-teima’. A “peneira” um tanto cruel, por consequência, confirmou o favoritismo de cantores que conseguiram passar pelo teste. Acima de tudo, o programa mostrou mais uma vez que Sam Alves é o participante a ser superado este ano.
Mas o cearense de Fortaleza – que, radicado nos Estados Unidos, fala português com sotaque – terá que enfrentar a ameaça de nomes que começam a se superar no programa e a surpreender. Um deles é o carioca Pedro Lima, que fez o técnico Lulu Santos chorar com uma interpretação à flor da pele para o hit I’ll Be There.
A torcida de Sam Alves pode estrilar, mas para a maioria do público a melhor apresentação da etapa foi a de Pedro, também conhecido como “bigode grosso”. Apesar das falhas na primeira parte da música, o desfecho de I’ll Be There foi tão apoteótico que deixou os técnicos atônitos. 

No total, sete cantores foram classificados. Apenas uma, Rully Anne, foi salva – Claudia Leitte deu uma nova chance a ela.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!