Construção - Reforma - Manutenção

Construção - Reforma - Manutenção
Clientes encantados é a nossa meta!

quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Mais antiga loja de discos de Londres está à venda por R$ 1 milhão



Loja de discos mais antiga de Londres é colocada à venda na internet por R$ 1 milhão, mas proprietário, de 60 anos, exige que o comprador mantenha o estilo do estabelecimento e "sonho vivo"

Depois de 34 anos de dedicação à loja de discos usados “On the Beat”, a mais antiga de Londres, o proprietário Tim Derbyshire quer passar para frente o seu estilo de vida. Com esse objetivo, o comerciante de 60 anos colocou o estabelecimento à venda no eBay, desde o fim de outubro até o dia 25 deste mês, pelo valor de £300 mil (cerca de R$ 1,1 milhão).Mesmo em tempos de música disponível por downloads e iTunes, loja de discos com 34 anos de existência ainda sobrevive em Londres, mas seu proprietário quer vendê-la por R$ 1 milhão.

Derbyshire, porém, garante não estar em busca apenas do dinheiro para sua aposentadoria: ele quer alguém que mantenha o “sonho vivo” e, para tanto, pretende selecionar os interessados em assumir o negócio, localizado no Soho, bairro boêmio localizado no centro da capital britânica.

“Este é o meu bebê, meu filho. Eu dediquei 34 anos da minha vida a essa loja, a esses discos. Quero alguém que tenha o mesmo comprometimento que eu tive com o lugar. Seria muito triste se uma corporação comprasse (a loja) e abrisse outra coisa aqui”, disse a Opera Mundi. Derbyshire comprou a loja em 1979, mas “On the Beat” existe desde os anos 1950, em um espaço de poucos metros quadrados na Hanway Street. Segundo o proprietário, trata-se da loja “independente” de discos de vinil mais antiga da capital britânica.

O valor de pouco mais de R$ 1 milhão inclui o contrato de aluguel do espaço por mais dez anos, além de cerca de 50 mil álbuns de clássicos do rock, jazz, soul, blues, folk, country e pop dos anos 1990. Há também alguns CDs (cerca de 5% da coleção), camisetas e fotos autografadas por artistas que já frequentaram o local, como o ex-Beatle Paul McCartney e o músico David Bowie. Entre os itens mais caros à venda estão álbuns originais (primeira edição) do The Who e Jimmy Hendrix, à venda por cerca de R$ 1.200.

O comerciante disse que optou por colocar um “estilo de vida” à venda porque, de fato, a loja não dá lucro. Apesar da alusão a “Alta Fidelidade” no anúncio online, o comerciante nunca assistiu ao filme, imortalizado nas telas por John Cusack, em 2000, nem leu o livro. “Achei que soaria bem no anúncio. De qualquer forma, todos meus amigos sempre compararam a minha vida ao filme”, admitiu.


Segundo Derbyshire, apesar da queda das vendas nos anos 2000 - graças ao iPod e ao download de músicas online -, a procura por discos de vinil cresceu nos últimos anos, sendo que ele estima vender, em média, 50 LPs por dia. “Vamos dizer assim: as vendas não são ruins, mas você não vai ficar rico com essa loja”, afirmou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!