terça-feira, 2 de julho de 2013

O cinema brasileiro insere mais dois nomes entre os 6 mil membros da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas

José Padilha: um dos novos convidados

Eduardo Coutinho e José Padilha irão se juntar aos diretores Walter Salles e Fernando Meirelles e os das atrizes Fernanda Montenegro e Sônia Braga, na composição dos membros votantes da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas
Novos nomes integrarão a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, conhecida mundialmente por ser a responsável pela realização do Oscar. Serão exatos 276 novos membros entre artistas e profissionais do cinema, conforme anúncio da última sexta-feira, 28. Entre os convidados estão os documentaristas brasileiros Eduardo Coutinho (As Canções e Cabra Marcado Para Morrer) e José Padilha (Segredos da Tribo e Ônibus 174). Também fazem parte da nova lista as atrizes Emmanuelle Riva (Amor) e Milla Jovovich (Resident Evil), o diretor Steve McQueen (Shame), o cantor Prince (Happy Feet), entre outros.

No comunicado à imprensa, Hawk Koch, presidente da instituição, ressaltou que os convidados estão entre os melhores da indústria cinematográfica atual. ”Seus talentos e criatividade capturaram a imaginação da audiência pelo mundo e eu estou orgulhoso de receber cada um deles na Academia”, afirmou Koch.

Padilha e Coutinho, após confirmarem a aceitação do convite, irão se juntar aos mais de 6.000 membros da Academia de Hollywood e farão parte do grupo de votantes na escolha dos indicados e dos vencedores do Oscar. O seleto grupo já conta com nomes brasileiros, como os dos diretores Walter Salles e Fernando Meirelles e os das atrizes Fernanda Montenegro e Sônia Braga.

O convite reconhece o trabalho dos profissionais convidados e vem coroar uma década de bons filmes produzidos no Brasil, com várias películas indicadas às principais premiações internacionais do cinema.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!