segunda-feira, 22 de julho de 2013

Encontro Cultural na Chapada dos Veadeiros terá mostra de cinema, shows, oficinas e gastronomia

6encontrocultura
O Encontro Cultural na Chapada dos Veadeiros, evento voltado à cultura tradicional do Cerrado, terá show do cantor e compositor pernambucano Lenine como a grande atração


Começa no dia 22 de julho (sexta-feira), na Vila de São Jorge – Alto Paraíso (GO,) a décima primeira edição do Encontro de Culturas Tradicionais da Chapada dos Veadeiros. Shows, rodas de prosa, Encontro de Capoeira Angola, Aldeia Multiétnica e mostra de cinema estarão abertos ao público até o dia 30 deste mês. Este ano o evento apresenta também o I Encontro de Culturas Gastronômicas da Chapada dos Veadeiros, uma proposta de valorização da culinária goiana e dos frutos do Cerrado.

As atividades culturais acontecem simultaneamente. Índios, mestres, brincantes, catireiros, artistas circenses e capoeiristas terão lugar em diferentes espaços: Aldeia Multiétnica, Palco, Igreja, Casa de Cultura Cavaleiro de Jorge e Galpão do Artesão.

Os participantes poderão conhecer e integrar-se a uma verdadeira festa da cultura popular brasileira, um evento que possibilita o encontro entre as mais distintas tradições culturais espalhadas pelo Centro-Oeste e por todo o país. São esperados cerca de 30 mil turistas para a região.

A XI edição terá como figura homenageada o antropólogo Darcy Ribeiro, um dos maiores estudiosos da cultura brasileira e defensor da diversidade cultural no Brasil. O Encontro é organizado pela Casa de Cultura Cavaleiro de Jorge.

Desde 2003, o Encontro, organizado pela Casa de Cultura Cavaleiro de Jorge, recebe o patrocínio da Petrobras, via Lei Rouanet. Neste ano, recebe também o apoio do Sesi, destinado ao I Encontro de Culturas Gastronômicas da Chapada dos Veadeiros. Os apoiadores do XI Encontro de Culturas Tradicionais da Chapada dos Veadeiros fortalecem o compromisso em garantir o acesso da população aos bens culturais e afirmam a sua identidade brasileira.


Sobre o evento


Encontro de Culturas Gastronômicas:
Para agregar e difundir os sabores do Cerrado e da culinária regional. A proposta é valorizar a riqueza cultural existente desde a produção até o consumo da gastronomia goiana. Restaurantes, cafés, bares, lanchonetes e a sorveteria da Vila de São Jorge participam do Circuito. No encontro serão criados pratos exclusivos – Cerrado Gastronômico, todos produzidos com algum fruto típico do Cerrado.

Aldeia Multiétnica
Este ano a novidade é a troca de vivências entre diferentes povos – Comunidade Quilombola Kalunga e Índios Yawalapiti do Xingu - no processo de construção da Oca Xinguana. A aldeia será erguida de acordo com os princípios tradicionais dos índios Xingu e técnicas de bioconstrução. O público terá a oportunidade de vivenciar, conhecer músicas, rituais, gastronomia, cursos de agroecologia e agricultura indígena.

Construção da Oca Xinguana
No Alto Xingu tudo tem um dono, seja ele um xinguano ou um espírito da floresta. As festas também são assim. Geralmente os rituais são manifestações dos espíritos da floresta, aqueles que são alimentados e cuidados pelos seus donos humanos. Quando há a construção da casa do dono de uma festa, toda a comunidade realiza um mutirão. Cosmologicamente é o espírito do ritual que está personalizado nos trabalhadores. Em troca do serviço o dono da casa e da festa deve patrocinar um ritual, que acontece concomitantemente com o trabalho, provendo os instrumentos e a alimentação dos participantes e dos espíritos.


Encontro de Capoeira Angola
Fortalecer os laços culturais de origem afro-brasileira na região é o objetivo deste Encontro. Mestre Cobra Mansa, reconhecido pelo trabalho que desenvolve no Brasil e no mundo, e novos Mestres, representantes da Capoeira Angola em Goiânia e no Distrito Federal estarão presentes. As atividades incluem oficinas e apresentam e divulgam a modalidade de forma lúdico/educativa para o fortalecimento da cidadania.


Mostra de Cinema
Neste ano, a programação do evento apresenta o panorama audiovisual do Centro-Oeste (CENTROÉcine) com destaque para as produções dos cineastas goianos. Também serão apresentados os filmes ganhadores do Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica) e os vencedores da mostra da Associação de Documentaristas do Brasil (ABD – Goiás) em 2011. O público também poderá assistir a série “O Povo brasileiro”, baseada na obra do antropólogo Darcy Ribeiro, que explica a mistura de raças no Brasil. Outra atração é filme “Kalunga”, de Pedro Nabuco, que será exibido à comunidade Kalunga durante o Encontro. As exibições acontecem na Feira do Artesão das 19h às 20h30 nos intervalos das programações.

FONTE: Assessoria de Imprensa do Encontro


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!