domingo, 16 de junho de 2013

Superman 2013: a história é a mesma mas a emoção é sempre renovada



Em 18 de abril de 1938 (data aproximada, já que à época, as revistas tinha a data de capa bem acima da real para parecerem recentes), chegava às bancas dos EUA a primeira edição da publicação

Na capa, um homem com roupa de fortão de circo erguia um carro com os braços enquanto homens com cara de desespero saíam correndo. Foi a estreia de Superman, o Homem de Aço.

A história

A origem do Homem de Aço é sobejamente conhecida: nascido em Krypton, o pequeno Kal-El viveu pouco tempo em seu planeta natal. Percebendo que o planeta estava prestes a entrar em colapso, seu pai (Russell Crowe) o envia ainda bebê em uma nave espacial, rumo ao planeta Terra. Ao chegar ele é criado por Jonathan (Kevin Costner) e Martha Kent (Diane Lane), que passam a chamá-lo de Clark. Com o tempo ele demonstra ter uma força descomunal, o que amedronta seus pais. Eles pedem que ele jamais demonstre seus poderes, mesmo em situações de emergência, já que nem todos conseguirão compreendê-lo por ser diferente das demais pessoas. Ao crescer, Clark (Henry Cavill) se torna uma pessoa isolada e frustrada. Em meio aos seus problemas emocionais, ele resolve usar seus poderes para ajudar a humanidade e se torna o Super-Homem.

O Super Homem de 2013 está remodelado e com versão atualizada. Sai o ultrapassado sungão vermelho por cima da capa e entra um uniforme de vermelho mais escuro. O ator que faz o Superman 2013, Henry Cavill, ainda não é conhecido do público brasileiro e foi uma aposta pessoal de Russell Crowe, que faz o pai dele no filme.

Se o novo ator que faz Superman vai ser um novo Christopher Reeve só o tempo dirá, mas a julgar pelo desempenho dos últimos filmes centrados em super heróis, a bilheteria será das mais auspiciosas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!