terça-feira, 18 de junho de 2013

O fotógrafo japonês Takayuki Maekawa torna-se o novo 'astro' da fotografia de vida selvagem e ganha 1ª mostra em Nova Iorque


Surfando na onda de fotógrafo de vida selvagem laureado, o japonês Takayuki Maekawa tem mostra com 20 retratos gigantes inaugurada na Steven Kasher Gallery, em Nova Iorque
Nascido em Tóquio em 1969, Maekawa iniciou a sua carreira como fotógrafo de vida selvagem em 2000, tendo como foco animais no Japão, América do Norte e África. Esta é a primeira exposição de Maekawa nos EUA. Ele é o vencedor da recente primeira edição do Nikkei National Geographic Photo Prize e tido como um dos grandes astros da fotografia de vida selvagem.
Os fascinantes retratos de Maekawa mostram os animais nos mínimos detalhes. Em uma delas, são retratados macacos-japoneses, os primatas não-humanos que mais vivem ao norte do mundo, a tomar banho em águas termais numa floresta montanhosa no Japão.
O fotógrafo japonês captura momentos tranquilos mas também muitos momentos de ação dramática, como no caso das águia-de-cabeça-branca, Homer, clicadas no Alasca, em fevereiro de 2008.
Uma manada de elefantes-africanos visita um lago em Masaimara, no Quênia. Elefantes africanos, maiores que as espécies asiáticas, são a maior espécie de animal terrestre do mundo. Até recentemente, havia apenas uma espécie de elefante em África.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!