quarta-feira, 1 de maio de 2013

“O Grande Gatsby” adaptado para o cinema pela quinta vez


Clássico indiscutível da literatura americana, "O Grande Gatsby", de F. Scott Fitzgerald, é considerado pela crítica um romance "discursivamente perfeito e inesgotável" (segundo Tony Tanner), com estilo, caracterização e enredo "perfeitamente equilibrados para atingir um fim altamente coeso" (Harold Bloom)

A indústria cinematográfica adapta pela quinta vez O Grande Gatsby , o livro lançado em 1925 por F. Scott Fitzgerald - um dos marcos da literatura dos EUA no século passado. Baz Luhrmann (Austrália, Moulin Rouge) dirige. Leia a sinopse:

"O Grande Gatsby acompanha o escritor aspirante Nick Carraway enquanto ele deixa o meio-oeste em direção a Nova York na primavera de 1922, uma época em que a moralidade tornava-se menos rígida, o jazz explodia e bebidas ilegais criavam impérios. Em busca de sua própria versão do Sonho Americano, Nick acaba vizinho de um misterioso milionário festeiro, Jay Gatsby, quando vai viver do outro lado da baia com sua prima, Daisy, e o marido dela, o filantropo de sangue-azul, Tom Buchanan. É nesse ambiente que Nick é atraído ao mundo cativante dos super-ricos, suas ilusões, amores e traições. Nick então usa essa experiência para escrever um conto de amores impossíveis, sonhos incorruptíveis e tragédias que espelha os nossos próprios tempos e conflitos".

Leonardo Di Caprio vive Jay Gatsby. Carey Mulligan interpreta Daisy Buchanan e o narrado, Nick Carraway, é Tobey Maguire. Completam o elenco Jason Clarke (George Wilson), Isla Fisher (Myrtle Wilson), Joel Edgerton (Tom Buchanan), Elizabeth Debicki (Jordan Baker) eAmitabh Bachchan (Meyer Wolfsheim).

A produção de 150 milhões de dólares chega aos EUA em 10 de maio e ao Brasil em 7 de junho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!