quarta-feira, 8 de maio de 2013

Como explicar tamanho sucesso do “Homem de Ferro 3”?


Tony Stark está com medo. Depois da experiência de quase morte em “Os Vingadores”, Robert Downey Jr. volta aos cinemas, em “Homem de Ferro 3”, na pele de um herói fragilizado e com ataques de pânico

Desde o ataque dos chitauri a Nova York, Tony Stark (Robert Downey Jr.) vem enfrentando dificuldades para dormir e, quando consegue, tem terríveis pesadelos. Ele teme não conseguir proteger sua namorada Pepper Potts (Gwyneth Paltrow) dos vários inimigos que passou a ter após vestir a armadura do Homem de Ferro. Um deles, o Mandarim (Ben Kingsley), decide atacá-lo com força total, destruindo sua mansão e colocando a vida de Pepper em risco. Para enfrentá-lo Stark precisará ressurgir do fundo do mar, para onde foi levado junto com os destroços da mansão, e superar seu maior medo: o de fracassar.

Seus esforços passam a ser de proteção e precaução: ele tem medo de perder Pepper Potts (Gwyneth Paltrow). A ideia de ficar sem a mulher ou morrer e deixá-la sozinha o deixa ansioso e insone. Assim, pela primeira vez, ele evita situações de conflito.

A sinopse não tem nada de novo quando se fala em filme de super heróis e com uma ou outra variação, é algo semelhante a Batman, Superman e tantos outros do gênero. A que se atribui então a corrida aos cinemas de todo o mundo para ver este filme que, a princípio, não apresenta nada de novo? Seria o talento e toque pessoal imprimido por Robert Downey Jr, ao encarnar um super herói que foge do tipo bonzinho e politicamente correto?

O ideal é não buscar as razões e sim assistir ao filme e tirar suas próprias conclusões. Já li críticas ferozes afirmando “não gaste seu dinheiro à toa com um filme tão bobo...” e outras recheadas de confete: “divertidíssimo, uma atuação soberba de Robert Downey Jr e uma história que dá prazer assistir...”. Dizer o que diante das controvérsias? Melhor conferir.

Euriques Carneiro

Um comentário:

  1. Realmente a franquia é um sucesso mais a mudança de direção deixou o
    enredo cheio de furos e muito aquém de HF1...infelizmente o sucesso de HF3 tem suas raízes em vingadores.

    ResponderExcluir

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!