domingo, 1 de julho de 2012

A Era do Gelo 4, chega sem a direção de Carlos Saldanha


Brasileiro explica por que preferiu não dirigir o quarto filme da franquia que estreia hoje no País



Era do Gelo, quarto filme da franquia, estreia neste primeiro dia de julho no País (em 1.100 salas!) e nos EUA, será somente dia 13. A novidade desta versão é a ausência de Carlos Saldanha na direção. "Já havia dirigido os três primeiros e começava a me repetir. A série precisava de sangue novo." Foi assim que surgiu A Era do Gelo 4, assinado por Steve Martino e Mike Thurmeler.

 Saldanha revela que ficou na retaguarda, um supervisor  técnico e artístico para aconselhar os realizadores em casos de dúvidas ou dificuldades, mas admite que trabalhou bem menos do que os seguidores das aventuras de Manny, Sid e Diogo poderiam pensar. Martino e Thurmeler deram conta do recado. Ele adorou o resultado como espectador, e não apenas como produtor/supervisor." É o filme que queria ver."
 O diretor também está feliz com o sucesso da Blue Sky. A empresa, especializada em tecnologia de CGI (imagens geradas por computador), ingressou num esquema industrial e está conseguindo lançar um filme por ano, sem prejuízo da qualidade nem da criatividade. Cresceu tanto nos últimos anos - A Era do Gelo, o primeiro, estreou em 2002 - que hoje tem cerca de 500 funcionários, entre criação e marketing - um número considerável, mas que não impede que as pessoas ainda se conheçam.
O aparato técnico, o estúdio em si, fica em Nova York, ou melhor, em Connecticut, na Grande NY. A parte executiva fica em Los Angeles, abrigada no prédio da divisão de animação da Fox. Saldanha tem vivido na ponte aérea NY/LA e lamenta por não poder vir ao Brasil com a frequência que gostaria. A última vez foi no fim em dezembro, para as festividades de fim de ano em família.

Depois de quatro filmes, o que uma franquia como A Era do Gelo ainda pode oferecer de novidade? Desde o primeiro filme, a saga de Manny e sua família virou, por assim dizer, o fósforo que deflagra a chama de A Era do Gelo, mesmo que a ação, depois, seja levada pelo trio Manny/Sid/Diogo. É o mais americano dos temas - o retorno ao lar, aqui incrementado pela incorporação dos piratas. "É um tema muito forte na cultura norte-americana, que o sucesso da franquia Piratas do Caribe renovou", avalia
A quarta geração traz ação,  humor, e até uma pitada de sentimentalismo. A filha adolescente em choque com a autoridade paterna é um tema universal. Mas o espectador pode aumentar o teor da emoção, se optar por ver o novo A Era do Gelo em 4D. Agora é ir ao cinema mais próximo conferir o filme sem o comando de Saldanha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após análise.
Obrigado!